2007/10/01

Irra!

Homem, pode parar com essa choradeira, que parece-me que já toda a gente, incluindo a pastorinha da SIC, o Tino de Rans e o emplastro, percebeu o que é que você acha da eleição de Luís Filipe Menezes para a liderança do PSD, ou ainda lhe dá uma apoplexia. Bolas, que eu não sou do seu partido, mas não embirro tanto com ele e com o que lá se passa como você. Conhece aquela anedota, do fulano que segue na auto-estrada e ouve na rádio dizer que, na via em que segue, anda um condutor em sentido contrário, e logo responde em voz alta: "Um? São todos!"? Pois, já pensou se estará mesmo no lugar certo?

2 comentários:

Zeferino Boal disse...

LFM é um homem que já deu provas de trabalho. Veja-se o exemplo de Gaia, o que era e o que é agora.
Tem ideias arrojadas para fazer as rupturas com certa elite politica que se tem governado no país.
Faço votos que consiga aglutinar o eleitorado à direita do PS, para que os portugueses possam voltar a ter esperança.

Aldino disse...

Não discordo, Zef, e até falei disso noutro post mais abaixo, a que chamei "Laranjas espremidas". Isso, na óptica do ainda meu partido pode até parecer ameaçador, mas concordo que para um independente com vontade de ver este país a sair do marasmo, LFM pode ser a pessoa em que recaem mais expectativas.

No entanto, este post era dirigido ao Pacheco Pereira, o "Homem" com link do início do texto, que ainda deve estar a acabar de engolir sapos, e que não pára de estrebuchar qual criança mimada!

Abraço e bem vindo a este espaço.